[ Forbes África Lusófona ] Competição “928 Challenge” vai mostrar Macau ao mundo com presença dos países da CPLP

Edição 2022 arranca em Outubro e vai mostrar os recursos existentes em Macau e que podem servir para desenvolver redes extensas num ecossistema de empreendedorismo forte com países da CPLP.Competição 928 Challenge visa construir pontes entre a China e os países de língua portuguesa. (Foto: DR)

A segunda edição da competição “928 Challenge” arranca em Outubro próximo, em Macau, com o principal objectivo de construir pontes entre a China e os países de língua portuguesa, através de negócios orientados para a sustentabilidade.

Este ano a competição terá duas categorias, designadamente uma para universidades e outra para start-ups, sendo que as equipas participarão de um programa de formação de duas semanas para obter conhecimentos sobre o ambiente de negócios e oportunidades na China e nos países de língua portuguesa.

“A competição 928 Challenge é um esforço colectivo de três partes: academia, empresas e governo. Estes três intervenientes devem trabalhar em conjunto para partilhar ideias e recursos para ir ao encontro das expectativas que a China e os países de língua portuguesa têm em relação a Macau”, afirmaram os coordenadores do evento José Alves e Marco Duarte Rizzolio da Universidade da Cidade de Macau.

A organização refere ainda que a experiência que possuem no 928 demonstra que existem recursos suficientes em Macau para desenvolver redes extensas e a diversidade necessária a um ecossistema de empreendedorismo forte. “Os recursos mais importantes são as pessoas que acreditam na plataforma e tomam iniciativa. O 928 Challenge precisa de apoio inequívoco para mostrar Macau ao mundo, e em nome dos co-organizadores asseguramos que os resultados serão muito elevados”, garantem os promotores.

Numa nota enviada à FORBES ÁFRICA LUSOFONA refere-se que nove cidades da grade Baia na China, duas regiões administrativas especiais e oito países de língua portuguesa estarão presentes nesta competição.

Jack So, representante da Universidade de Ciência e Tecnologia de Macau, afirma que o evento proporcionará também uma oportunidade única para os alunos comunicarem, interagirem e aprenderem uns com os outros. “Este evento é muito significativo porque é consistente com o importante papel de Macau como plataforma para os países de língua portuguesa. Ao contrário de outras competições, o 928 dá ênfase aos alunos da China e dos Países de Língua Portuguesa”, considera Jack.

Por seu turno, Alexandre Lobo, da Universidade de São José, refere que o 928 Challenge está alinhado com o plano de desenvolvimento da instituição que representa e espera que a mesma contribua activamente para o sucesso do evento. “Temos como pontos fundamentais a criação de uma incubadora de empresas focada em atrair start-ups de Macau, Grande Baía, e países de língua portuguesa interessadas em conhecer e prospectar mercados nos dois sentidos, ou seja, dos países de língua portuguesa/Macau/Grande Baía e Macau/Grande Baía/países de língua portuguesa”, explicou.

O 928 Challenge é co-organizado pelo Fórum Macau, Universidade da Cidade de Macau, Universidade de Macau, Universidade de Ciência e Tecnologia de Macau, Universidade de São José, Instituto de Formação Turística de Macau, Universidade das Nações Unidas Instituto em Macau, Universidade de Shenzhen, Universidade de Cantão de Estudos Estrangeiros, Universidade Normal Politécnica de Cantão e a Universidade Estadual do Rio de Janeiro.

A competição é patrocinada pelo Galaxy Entertainment, BNU – Banco Nacional Ultramarino, CESL Asia, CEM, Millenium BCP, MdME Lawyers, ISA Tantek, Alibaba, Moxlink, KJN Investmentos, C&C Advogados e Fidelidade.

Source: https://www.forbesafricalusofona.com/competicao-928-challenge-vai-mostrar-macau-ao-mundo-com-presenca-dos-paises-da-cplp/

Leave a Reply

Your email address will not be published.

Building bridges between China and Portuguese-speaking countries through sustainability-oriented business

Designed by 3UP Digital